terça-feira, 12 de julho de 2011

PF investiga Ricardo Murad pela má aplicação dos recursos das UPA’s


Secretário Ricardo Murad

Além dos contratos com a Cruz Vermelha, denunciados pelo advogado Moreira Serra, a Polícia Federal investiga a Secretaria de Estado da Saúde – SES, na aplicação dos recursos das UPA’s.
Os recursos federais foram destinados para as duas UPA’s (Unidade de Pronto Atendimento). E Ricardo Murad vai ter que se explicar.
Um assessor de Murad, foi filmado e gravado pela Cruz Vermelha. Um vídeo foi entregue para Polícia Federal.
O assessor foi com uma valise pegar uma propina que seria de Ricardo Murad.
Ciente do assunto, Murad demitiu Fábio Câmara da gestão de Saúde do Estado para São Luís.
Pressionado, Ricardo Murad teve que nomear Fábio Câmara com um ISO (cargo Isolado de R$ 14 mil) na Assembleia Legislativa do Maranhão. Um detalhe curioso: a resolução 064 da Assembleia diz que os cargos de assessoria são de indicação do suplente que assumiu, no caso, Tatá Milhomem.
Ou seja: Murad é o único deputado licenciado que tem direito a todos os ISO’s (cinco Isolados de R$ 14 mil e mais de cinco intermediários de R$ 8 mil no Legislativo Estadual).
Quer dizer que, Ricardo Murad indicou todas as 19 assessorias e seu suplente Milhomem teve o mesmo direito.
E aí, Arnaldo Melo? Por que os outros suplentes não tiveram a mesma regalia?
Fonte: Luis Pablo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidades de seus autores.